NOTÍCIAS
NOTÍCIA
Rios Taquari, Forqueta e arroios em nível de água crítico/ Lavouras devastadas refletem grande prejuízo no setor primário
AGRICULTURA
Publicado em 03 ABR 2020
ALERTA ESTIAGEM Município reforça importância da colaboração da comunidade no uso consciente da água

ARROIO DO MEIO – Em Situação de Emergência declarada em 10 de janeiro e homologada pelo Estado em 20 de março, considerando a estiagem que causa prejuízos bilionários no Rio Grande do Sul e afeta diretamente produtores rurais e demais serviços locais, o Município de Arroio do Meio, através da Administração Municipal, Defesa Civil, Corsan e Associações de Água do interior, solicitam encarecidamente a colaboração da comunidade para o uso consciente e racionado de água.

De acordo com o Coordenador da Defesa Civil, Paulo Heck, as previsões são de tempo seco e insignificante registro de chuva até o final do primeiro semestre. Heck relata a falta de água no Morro São José, onde o Município contratou de forma emergencial equipamentos para perfuração de novo poço, com previsão superior a 400 metros de profundidade, além da dificuldade de Linha 32, onde o poço que abastece a comunidade não atende mais a demanda, e a solução temporária está na parceria com um dos moradores, que cederá seu poço para conexão na rede da associação, como tentativa de suprir o abastecimento.

 O Secretário da Agricultura, Eloir Lohmann, reforça os incontáveis prejuízos econômicos do setor primário e a falta de água para abastecimento e necessidades básicas em algumas comunidades. “Os rios e arroios já estão secos, as lavouras devastadas e sem perspectivas de melhorias para os próximos meses, com registro de falta de água para consumo humano e animal”, alerta.

O Gerente local da Corsan, Jaime Luiz Bersch, salienta a gravidade da situação. “É muito importante que todos façam o uso consciente da água, porque a situação é muito delicada e sem perspectivas de melhorias”, afirma Bersch. “NÃO é momento para lavar carros, calçadas, nem utilizar mangueiras. Precisamos EVITAR o uso de água em quantidades, regular válvulas de descarga, ficar atentos a vazamentos internos e torneiras e aproveitar ao máximo cada lavagem de roupa”, orienta. “São cuidados simples e fundamentais para evitarmos o racionamento de água para necessidades e uso básico”, alerta o gerente da Corsan.


Fotos: Defesa Civil
Texto: Maica Viviane Gebing
Já conhece Arroio do Meio? Confira alguns pontos turísticos da cidade.
© 2016 - Município de Arroio do Meio RS - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Vertigo Comunicação.