NOTÍCIAS
NOTÍCIA
Decreto com detalhes
ADMINISTRAÇÃO
Publicado em 14 MAI 2020
COVID-19: BANDEIRA VERMELHA - Arroio do Meio adequa-se a medidas impostas por decreto estadual que restringe serviços no Vale do Taquari

ARROIO DO MEIO – Através do decreto 2.570, de 11 de maio de 2020, a Administração Municipal recepciona o sistema de distanciamento controlado para fins de prevenção e enfrentamento à epidemia causada pelo novo coronavírus – Covid-19 e reitera a declaração de estado de calamidade pública, por parte do Estado do Rio Grande do Sul, através dos decretos estaduais nºs 55.240 e 55.241, de 10 de maio de 2020. As medidas restritivas seguem enquadramentos do Governo do Estado, referentes à região do Vale do Taquari, classificada como bandeira vermelha no avanço do coronavírus, segundo resultado da mensuração dos indicadores de que trata o art. 4º do decreto estadual 55.240/20.

 Dessa forma, a Prefeitura e demais repartições públicas aderem ao turno único de atendimento, das 7h às 13h, com exceção da Secretaria Municipal da Saúde, a partir dessa publicação, por tempo indeterminado, dependendo das manifestações do Governo do Estado. Outras restrições impostas no modelo de distanciamento controlado anunciado pelo Governador Eduardo Leite para o Vale do Taquari estão valendo a partir dessa segunda-feira, 11, até a Região conseguir sair da classificação de bandeira vermelha, que indica o avanço desproporcional da doença em relação ao número de leitos de UTI na Região. Confira:

Comércio:

FECHADO: Centro comercial, lojas e estabelecimentos considerados não essenciais.

PRESENCIAL RESTRITO*: revendas de automóveis, oficinas mecânicas, chapeação e pintura; comércio varejista de alimentos e de itens essenciais e atacadista de itens essenciais; postos de combustíveis.

TELE-ENTREGA E PEGUE E LEVE*: comércio atacadista de itens não essenciais;

Serviços:

FECHADO: Casas noturnas, bares e pubs; eventos, teatro; academias de ginástica; clubes sociais e esportivos; cabeleireiro e barbeiro; missas e cultos; turismo.

PRESENCIAL RESTRITO*: Reparação de objetos e equipamentos; lavanderia; bancos e lotéricas; funerária; vigilância e segurança; limpeza e manutenção de edifícios; call center; pesquisa científica e laboratórios.

TELE-TRABALHO E TELE-ATENDIMENTO*: imobiliárias; advocacia, consultoria e escritórios de contabilidade; serviços administrativos e auxiliares.

Alimentação:

FECHADO: restaurantes buffet.

TELE-ENTREGA E PEGUE E LEVE*: a la carte, prato feito, lanchonetes e padarias;

PRESENCIAL RESTRITO: hotéis e similares, com ocupação de no máximo 40% dos quartos.

Agropecuária: PRESENCIAL RESTRITO*: agricultura, pecuária, produção florestal, pesca e aquicultura;

Indústria:

PRESENCIAL RESTRITO PARA TODO O SETOR*: Farmaquímicos e farmacêuticos; alimentos e bebidas; Construção civil.

Transporte:

PRESENCIAL RESTRITO PARA TODO O SETOR*: Carga e estacionamento podem operar com 100% dos trabalhadores; correios com 50% dos trabalhadores; transporte de passageiros com 75% dos assentos; ônibus intermunicipal e interestadual com 50% dos assentos; ônibus municipal com 50% da capacidade do veículo; transporte terrestre fretado com 25% dos assentos.

 *Consultar % de trabalhadores que podem atuar. Mais informações no https://www.estado.rs.gov.br/entenda-o-modelo-de-distanciamento-controlado-do-rs

 


Fotos: Reprodução
Texto: Maica Viviane Gebing
Já conhece Arroio do Meio? Confira alguns pontos turísticos da cidade.
© 2016 - Município de Arroio do Meio RS - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Vertigo Comunicação.